Centro Cultural Fortaleza - Conversas Filosóficas Centro Cultural Fortaleza - Conversas Filosóficas

CONVERSAS FILOSÓFICAS

AGOSTO/2017

 

Dia 12, sábado, 14h

 

Temática: Educação Empreendedora: um enfoque filosófico.

 

Expositor: Tilso Bataglia, graduado em Filosofia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e mestre em Filosofia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Leciona na Faculdade Maurício de Nassau, é mediador de leitura pelo Sesc.

 

Um movimento global de educação empreendedora tem atraído cada vez mais instituições de ensino público e privado a aderirem à sua lógica: a do fortalecimento da competitividade por meio da inovação. A “sociedade do conhecimento”, preconizada por Peter Drucker, filósofo e economista austríaco conhecido como “pai da gestão moderna”, tem influenciado o rumo dado a essas instituições, fazendo convergir todos os recursos organizacionais – financeiros, humanos, materiais e tecnológicos – a um só propósito: o desenvolvimento econômico e, consequentemente, o social. O principal argumento é o de que o recurso econômico básico não é mais o capital nem os recursos naturais e nem mesmo o trabalho, mas o conhecimento, eficaz e focado em resultados. Disso decorre a necessidade de uma educação baseada em competências técnicas e comportamentais (conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes) que envolva cada cidadão e os engajem a esse propósito. No entanto, um movimento contrário a essa perspectiva teórico-prática da educação tem resistido à reprodução dessa lógica, por entendê-la como responsável pela produção de subjetividades que atendam aos seus interesses: a manipulação política e a exploração econômica. Tendo em vista a educação ser uma atividade humana direcionada por uma concepção teórica específica e tal concepção orientar as práticas pedagógicas, convém refletir criticamente sobre os rumos que o Movimento de Educação Empreendedora tem-nos reservado. Venha refletir conosco.